NOTAS DA SEMANA – 20.08.2021

  1. ENTREVISTA COM KAREN MALTZ

Quem é Karen Maltz Zylbersztejn?

Sou uma mulher de 48 anos (muito bem vividos!), natural de Porto Alegre e mãe do Gabriel – minha maior obra! Sou determinada, resiliente, me adapto a mudanças, corro atrás dos meus objetivos e sou muito feliz. 

Falando um pouco da minha infância: foi uma época muito alegre, em que a família sempre esteve muito presente. Por onde passo, carrego comigo belas recordações dessa fase, e que me fizeram chegar até aqui.

Aos seis anos de idade, tive minha maior perda na vida: meu pai, Jacob Isake Zylbersztejn. Minha mãe ficou viúva muito cedo, aos 29 anos, com dois filhos: meu irmão, Henry, e eu. Cresci vendo a Dona Eliane batalhar, trabalhar muito e vencer na vida, e isso me inspira até hoje.

Mas, entre perdas e superações, ficam os aprendizados. Hoje, sinto orgulho ao circular pelas ruas de Porto Alegre, e poder ver materializada a importância de meu pai para a capital gaúcha – e para a minha vida, claro! Isso por que, tem uma rua com seu nome, na Zona Sul da cidade. Foi uma homenagem prestada pela Prefeitura de Porto Alegre, em reconhecimento ao seu trabalho como Engenheiro – ele, que sempre lutou por melhorias nas comunidades e partiu precocemente.  Como teria sido diferente se estivesse aqui, mas carrego comigo, muito além de seu sobrenome: a honra de ser uma guerreira, como ele (e minha mãe).

Hoje posso dizer que me sinto uma mulher plena; realizada profissional e pessoalmente. Sou mãe (coruja) do Gabriel – um filho maravilhoso! Só me traz alegrias!

Em minha trajetória profissional, coleciono lugares fantásticos por onde passei – e que fui muito feliz, como: Rádio Ipanema FM, Kzuka, RBS, Rede Bandeirantes, Brazomídia, Setdoor, Segmento Pesquisas. Há mais de 20 anos na lida, já atuei nos mercados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. Atualmente, estou na Curi e Associados, trabalhando com digital, através da AD3Plus e fazendo parte de uma verdadeira família, que é como nos sentimos! Cada dia aprendendo mais sobre esse universo fantástico. E na pandemia não foi diferente, me reinventei e, mesmo em home office, e com muita resiliência, mirei em resultado, atuei fortemente em prospecção, criei demandas pontuais e honrei a potência da mídia programática.

2. Como despertou o interesse pelo segmento comercial da comunicação?

O comercial sempre esteve em meu sangue, como uma boa judia! Em casa, vi minha mãe vender joias,  roupas e, sem dúvidas, isso me influenciou muito.  Quando entrei na Famecos (Comunicação Social da PUC/RS), percebi que, além da criatividade que a área de publicidade exige, eu tinha vontade de vender e construir minha carreira na área comercial. Isso sempre falou mais alto!

Minha primeira oportunidade, quem deu foi o saudoso Bira Valdez, que, em uma seleção para o time comercial da Band/RS, me achou “a cara” da rádio Ipanema FM. E sua percepção estava certa! De lá pra cá, nunca mais parei. Gosto da adrenalina de correr atrás da meta, mês a mês – isso me inspira a cada dia.

3. Existe um momento marcante nessa tua trajetória?

Um período bem marcante foi quando voltei ao mercado de trabalho, antes de terminar  a licença maternidade, para assumir o comercial do kzuka/RBS. Estavam me esperando, ansiosamente, e é uma época que sempre irá me marcar, por grandes razões, de ter assumido dois desafios enormes: o de ser mãe de primeira viagem, e de dar um baita passo na minha carreira (mudando de empresa, saí da Rádio Ipanema e assumi a gerência comercial do Kzuka/RBS).

4. Quem te inspira mais?

Esse é um capítulo da minha história, que reúne muito bom humor, reconhecimento, aprimoramento, energia propulsora de resultado, amor, amizade, família. Sou muito grata a tudo e todos que compõe um pedacinho do que sou.

EXPOINTER

Confirmada a presença do Conselho Diretor do Banco do Brasil, Presidente do Banco do Brasil e do Presidente da República na Feira Expointer 2021.

FMP

A Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP) e a OAB Nacional, por intermédio da Escola Superior de Advocacia Nacional (ESA-N), firmaram convênio que proporcionará a mais de 15.000 advogados carentes, bolsas de estudo integrais para o Curso de Pós-graduação Lato Sensu em Advocacia Cível. A Especialização será oferecida na modalidade a distância, de forma gratuita, aos advogados selecionados, a partir de critérios presentes em edital específico, que compreenderá declaração de renda e prova objetiva.  O prazo de inscrição para as bolsas de estudo é de 01 a 30 de setembro. As aulas começam em dezembro de 2021 e terão duração de 13 meses.

FMP recebe inscrições para transferência na Graduação até a próxima sexta-feira

A Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP) está com inscrições abertas para a transferência de alunos de outras faculdades até o próximo dia 20 de agosto. As vagas ofertadas na Graduação em Direito são na modalidade presencial, nos turnos manhã e noite. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no site da Instituição: fmp.edu.br/transferencia

CORSAN

A falta de saneamento básico é uma ameaça à saúde pública e uma das causas da desigualdade social. Pode aumentar a mortalidade infantil e reduzir o rendimento escolar de crianças e jovens. Sem água e esgoto em casa, o trabalhador ganha menos, o que também afeta a economia das cidades.

Diante desse contexto, a Agência Moove desenvolveu campanha para a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), com os objetivos de despertar o interesse e a consciência da população para a importância do saneamento e destacar o impacto que a falta de acesso a um serviço essencial e a um direito fundamental pode causar na vida das pessoas.

A campanha proposta para a Corsan é informativa e tem forte apelo para a qualidade de vida. Com o conceito ‘Você sabia que o saneamento é muito importante?’, a Moove buscou despertar nas pessoas uma reflexão sobre o saneamento básico e, ainda, um olhar sobre as rotinas do dia a dia nas quais a água potável e a coleta de esgoto são fundamentais, mas geralmente não são percebidas.

As peças ressaltam que o acesso à água tratada e à coleta de esgoto contribui para a saúde, a educação, o meio ambiente e a economia, mostrando que aonde tem saneamento a vida é melhor. Dessa forma, a entrada de recursos privados vai acelerar a universalização do saneamento para melhorar ainda mais um serviço que é de todos.

A campanha já está rodando e acontece no período de três meses, envolvendo mídia externa, TV, rádio, digital e hotsite específico (evoluir.corsan.com.br).

Ficha Técnica

Campanha: Marco Legal do Saneamento

Head de Relacionamento e Negócios: Luana Rodrigues

Diretora do Núcleo: Rosângela Lopes

Atendimento: Ritiele Medeiros

Planejamento: Eugênio Lumertz e Aline Coelho

Head de Criação: Laura de Azevedo e Moisés Bettim

Criação: Moisés Bettim, Claudia Mainardi, Mariana Gonzales, Thanise Melo e Ícaro Iserhard

Produção: Robson Albuquerque e Carla Bildhauer

Mídia: Taila Loureiro

Arte-Final: Christian Vieira

Cliente: Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan)

Aprovação Cliente: Angélica Ritter e Fernanda Barbosa Farias

SBT

O projeto Encantos de Inverno do SBT segue realizando uma série de conteúdos exclusivos para os telespectadores. A cobertura completa, acontece em todos os programas locais valorizando as experiências únicas do inverno gaúcho.  

Nessa sexta-feira (20), a partir das 11h30, o apresentador Marcelo Chemale comandará entradas ao vivo no SBT Rio Grande diretamente do Lago Rita Bier, em Gramado, com a participação do cantor Dani Castro e presença do curador do Festival de Cinema de Gramado, Marcos Santuário.

Após as entradas ao vivo no SBT Rio Grande, uma live no Facebook do SBT RS irá levar muita música com a participação do Dani Castro e Zeider Pires, vocalista da banda Planta e Raiz com sucessos que os cantores apresentam juntos e uma prévia do que irão realizar no Sunset das Estrelas em Gramado. 

Todo o conteúdo do projeto é postado no site do “Encantos de Inverno” (www.sbt.com.br/encantosdeinverno): vídeos originais digitais, matérias de televisão, imagens e artigos. 

Encantos de Inverno tem o patrocínio de O Boticário, Faculdade Fael e Sulgás e produção do SBT.

ESCALA E PICADILLY

Está nas redes o primeiro job da ESCALA para a PICCADILLY, estrelando ninguém menos do que a dona da maior live do mundo: Marília Mendonça.
A rainha da sofrência foi convidada a protagonizar a campanha cantando uma música criada especialmente para exaltar o conforto e tecnologia dos calçados da marca. Sob o conceito “Chega de sofrência para seus pés!” Marília Mendonça traduz como ninguém os valores e o propósito da empresa. De personalidade genuína ela é reconhecida por encorajar as mulheres a se sentirem bem consigo mesma. E isso tem tudo a ver com o inspiracional de autoconfiança e o valor da mulher “real” que a PICCADILLY acredita.
Segundo Rafaela Loth, Gerente de Marketing da calçadista, ter Marília Mendonça como garota propaganda vai muito além de um rosto famoso nas campanhas da PICCADILLY; é o reforço do encorajamento feminino que a marca tanto prega. “Somos especialistas em unir moda e conforto e sempre acreditamos que beleza e bem-estar andam juntos. Quando unimos todas essas características, estamos dizendo às mulheres que elas podem estar bonitas e confortáveis consigo mesmas, revelando o verdadeiro eu. Mensagens que a Marília Mendonça enfatiza bastante com seu público”, afirma.
“Criar uma campanha para uma marca que tem a sua verdade e seus propósitos tão claros é super desafiador, pois precisamos achar caminhos inusitados pra dizer aquilo que já foi dito em outros momentos. Encontramos na Marília uma pessoa que transmite todos valores da marca e dos produtos na sua personalidade. Juntamos Marília e PICCADILLY num HIT para embalar a campanha. Desta vez, a Rainha da Sofrência resolveu não sofrer, e o resultado de tudo isso está nos fazendo muito felizes.” comemora Roberto Lopes, Diretor de Criação da Agência Escala.
A cantora estará presente em campanhas veiculadas na TV (aberta), no digital, pontos de venda, e parceria com influenciadores.
Assista o clipe da nova campanha nas redes sociais da PICCADILLY e Escala: Instagram – escala_agencia Instagram – calcadospiccadilly
Facebook – escala.ag
Facebook – calcadospiccadilly Youtube – https://www.youtube.com/c/EscalaAgencia Linkedin – agenciaescala
Saiba mais sobre a campanha e conheça a coleção completa na landing page: https://www.piccadilly.com.br/lancamento
FICHA TÉCNICA
Negócios: Débora Masiero, Natana Soares e Renata Gouveia
Direção de Criação: Roberto Lopes
Criação: Cristiano Werkhauser, Douglas Schneiders, Jaqueline Alonso e Roberto Lopes.
Conexões: Renata Schenkel, Roberta Selister e Sofia Dipp
Produção: Andres Araújo e Lucirene Barros
Planejamento: Renata Schenkel e Taciana Escandiel
Aprovação Cliente: Cristine Grings, Juliana Simonaio e Rafaela Loth
Produtora de vídeo: Linq Conteúdo
Direção: Bruno Fioravanti
Produção Executiva: Pietro Grassia
Direção de Fotografia: Cris Adonis
Direção de Arte: Gustavo Migliori

Assistente de Direção: Thays Elinne
Operador de Câmera / Movimento: Matheus Bacellar
Montagem: Luis Lui, Matheus Bacellar, Samy Sousa
Produtora de Áudio: Maria Viola
Arranjador: Júnior Campi
Fotógrafo: Rafael Manson
Manipulação e Retoques de Imagem: Focal
Stylist: Flavia Brunetti
Make Up: Julyer Rodrigues
Produção Marilia Mendonça: Henrique Bahia
Making of: Luis Lui e Guilherme Coelho

250 ANOS DE PORTO ALEGRE

Tiago Dimmer, o experiente profissional de comunicação é o Gerente de Comunicação dos 250 Anos de Porto Alegre, uma grande escolha.

OPINIÃO

Além de ser um lutador incansável pela realização de eventos com toda segurança protocolar durante esses quase dois anos de pandemia, Rodrigo Machado, que não descansou por um dia, está trazendo para as suas casas e Auditório Araújo Viana espetáculos imperdíveis que darão vida e entretenimento aos profissionais e ao público.

TRISTEZA

A perda de um cara como o Romualdo essa semana foi realmente muito triste. Ele representava muitas coisas boas que todos desejavam no mercado publicitário, pelo seu comprometimento, conhecimento, autenticidade e acima de tudo, muito respeito e amor.

PREFEITURA DE PORTO ALEGRE

Vem aí a nova licitação das duas agências que deverão cuidar da conta publicitária da Prefeitura de Porto Alegre. O Sinapro acompanhou e acompanha todos os detalhes do texto.

Como ouvir, ler, aceitar, parar e quebrar um mercado formado por fornecedores de publicidade de um técnico auditor que diverge em pareceres  de janeiro de 2021 e março de 2021 ?

Onde está a credibilidade com tanto poder que penaliza o mercado?

Esperamos o novo Secretário de Comunicação para que em conjunto com o da Fazenda e o procurador possam resolver com verdade e bom senso essa situação pagando e discutindo o controverso. As agências racionalmente estão confiando nessa decisão e aguardam com esperanças.

O que preocupa muito são os hiatos ou vácuos de silêncio que não se fazem necessários.

BRIVIA

A agência Brivia foi a vencedora da licitação de R$ 38.5 milhões para refazer todos os sites da Petrobrás, tanto voltados para o público interno como para o público externo.

GAV/RS

A live do último dia 17 sobre Marketing Esportivo com os brilhantes profissionais que deram uma aula de conhecimento, Carlos Alberto Carvalho, Jorge Avancini, Gerson Silva e Marcio Callage foi realmente espetacular e com uma audiência recorde.

Sem dúvida nenhuma o GAV é o maior grupo de profissionais do RS e tranquilamente o que mais realiza e traz ensinamento ao mercado.

Link para assistir a live completa:

https://us06web.zoom.us/rec/play/FwpE_39CNo8Ecr3ghVWJyO1YiU6vV28xSWK2a6Vz5kZR-RgYoEWbwbIi-gJQORh95yioje_NKHW53U1Q.z3c0FOayB9bOTzQr?continueMode=true

DUDA MENDONÇA

Era uma quinta-feira do início de 1985. Antoninho Rossini, editor do Propmark, ainda um caderno do Diário Popular, me chamou para um frila.  Cinco anos antes de eu assumir como editor do primeiro jornal semanal do mercado publicitário.

Na sala da diretoria Comercial do jornal, Armando Ferrentini me entregou um bilhete aéreo.  Minha missão seria ir a Salvador, entrevistar um tal de Duda Mendonça, voltar, escrever e entregar o material para publicação no final de semana. Tudo isso na sexta-feira.

Foi meu primeiro trabalho no jornalismo publicitário. Da propaganda só conhecia o Washington Olivetto. Mas me encantava um comercial de Gelol no ar desde o final de 84 na TV brasileira.

O objetivo da matéria era mostrar que a publicidade criativa não estava só no eixo rio São Paulo.

Duda Mendonça foi o primeiro expoente da Bahia como estado exportador de grandes nomes desse mercado.

Sua agência DM9, Fundada em 1975 se tornou uma das mais premiadas em festivais internacionais nas mãos de Nizan Guanaes, seu ex estagiário.
Duda foi o primeiro baiano a brilhar na publicidade brasileira.

Seu discípulo Nizan levou a DM9 para brilhar no mundo.

Voltando a aquela sexta-feira de 1985. No aeroporto de Salvador fui recebido pelo próprio Duda Mendonça. Dali para o Baby Beef, restaurante da família Paes Mendonça.

Na entrevista já deu para perceber  que Duda já era uma estrela. Pronto para brilhar em todo o país e transformar a Bahia no grande celeiro de talentos da propaganda nacional.

Nizan acabou ficando com a Agência de Duda. A estrela então começou A brilhar em outro setor.Igualmente genial, Duda também brilhou no Marketing político. Num campo onde não basta só o talento, acabou envolvido também nos perrengues da atividade.

Absolvido em um dos processos e enfim e acertando delação premiada em outro, ficou na história, porém, o brilhante publicitário que sempre foi.
Vá com Deus, Duda.

ARP

Está no radar e na vontade de vários profissionais, e consequentemente sócios da ARP, o lançamento de uma super chapa: Fernando Silveira, Marcia Christofoli, Rafael Share e Daniela Vargas, sem dúvida nenhuma um grupo de grande competência e muito conhecimento das necessidades do mercado publicitário.

CONSUMO DE VESTUÁRIO

De um total de 195 países, o Brasil tem o nono maior mercado de roupas e acessórios no mundo. Considerando somente os países emergentes, o Brasil fica em quarta posição, só atrás da Rússia, Índia e China.

É o que releva um estudo divulgado pela plataforma de descontos CupomValido.com.br que reuniu dados da Statista, sobre o consumo de vestuário no Brasil.

Segundo a pesquisa, o estado de São Paulo é o que mais gasta com roupas e acessórios, com um gasto quase três vezes maior que o segundo colocado. Um dos principais motivos que explica esta diferença, é que o estado de São Paulo é o estado mais populoso, com cerca de 22% do total de habitantes do Brasil. O estado de Minas Gerais e Rio de Janeiro ficam na segunda e terceira posição, com 10% e 7% respectivamente.

Preferência de compra pelos brasileiros

A Lojas Renner é a maior loja de vestuários do Brasil, com R$9 bilhões em volume de vendas. Além de atuar no segmento de vestuário adulto, a Lojas Renner também atua com a marca Youcom para público mais jovem, e a marca Ashua no segmento de plus size. C&A fica na segunda posição, com R$5 bilhões em vendas. E Alpargatas, dona da Havaianas, Osklen e Dupé, fica na terceira posição com R$3 bilhões em vendas. Seguido pela Lojas Marisa e Beira Rio, ambas com R$2 bilhões em volume de vendas.

Apesar do recente crescimento e da adoção da compra online, grande parte dos brasileiros ainda tem preferência de comprar vestuários em lojas físicas. Segundo a pesquisa, 79% dos brasileiros preferem comprar nas lojas físicas, contra 17% pela internet e 3% através da venda direta.

Um dos principais problemas enfrentado na compra online ainda é a falta da padronização dos tamanhos e numeração. Uma alternativa encontrada pelos e-commerce, é a adoção de políticas de troca grátis, a fim de minimizar este problema.

Fatores decisivos para escolha de uma loja

O que chama a atenção é que os brasileiros são muito sensíveis aos preços. Possuir preços baixos é o fator número um para a escolha do consumidor de uma determinada loja, com 38% da preferência. A variedade e a qualidade dos produtos, são o segundo e terceiro fatores mais importantes. Por fim, o serviço pós-venda e possuir bons descontos, também são levados em consideração para a escolha.

De acordo com a distribuição socioeconômica, as classes B e C (classes com renda entre R$3.085 e R$5.642) são as que mais gastam com roupas, com 31% e 21% respectivamente. A classe D (com renda acima de R$720), fica em terceira posição, com 16% do consumo total.

Fonte: Statista, Cupom Válido

COLEÇÃO PROTESTO

A crise é estética,

A crise é ambiental,

A crise é sanitária,

A crise é política.

A minha collab com a @colecao_de_protesto já está no ar. 

Adquira sua camiseta. Garanta a sua e bora, exorcizar e gritar Foooooooora Cafonas !!!


Vendas pelo site da marca: www.colecaodeprotesto.com.br/

Tamanhos: P,M,G e GG – o primeiro lote será apenas na cor cinza

Fotografia: Raul Krebs

Sobre a Coleção Protesto:

Somos uma marca de causas, hoje estampadas em vestuário e acessórios. Nos sensibilizam de todas as causas humanas.  Acreditamos que o amor está acima de tudo e a partir dele toda causa é legítima. A marca nasceu de um sonho (literalmente falando) da Tati @tatisamarinalis , idealizadora da marca. Foi logo após a morte de Marielle Franco que ela visualizou uma Coleção de Protesto retratando um show de Caetano Veloso e Maria Gadú em homenagem à vereadora assassinada. A ideia foi amadurecendo até o projeto ganhar corpo em setembro de 2019, com a primeira coleção. 
Desenvolvemos arte e reflexão por meio de estampas materializadas em nossas camisetas e acessórios.

PAIXÃO S.A.

O livro Paixão S.A, que ensina como faturar por meio da passion economy já está à venda. Obra escrita por Rafael Carvalho e Nilson Filatieri, (COO e CEO da HeroSpark) foi lançado no último dia 10 e traz também, insights sobre marketing e empreendedorismo, sobretudo, digital.

O conceito ‘da economia da paixão’ refere-se à possibilidade de ganhar dinheiro trabalhando exclusivamente com a sua paixão. A metodologia demonstrada na obra foi validada por milhares de empreendedores, desde um médico veterinário que faturou R$ 40 mil em seu primeiro mês, até um churrasqueiro que ensinou a fazer churrasco e faturou R$ 25 mil em menos de três semanas.

O livro é indicado para qualquer pessoa que tenha vontade de empreender na internet, independentemente de profissão, ramo de mercado e experiência. A premissa dos autores é de que qualquer pessoa pode criar um produto digital de alto impacto e rentabilidade, desde que tenha disciplina, motivação e dê voz às suas paixões e habilidades.


“Muitos empreendedores têm esse sonho, mas poucos conseguem efetivamente capitalizar as suas paixões, habilidades, dons ou hobbies. A premissa básica do livro é justamente guiar os leitores por esse caminho, desde os primeiros passos, de desenvolvimento da ideia e validação do produto, até o processo de escalabilidade do negócio”, conta Nilson Filatieri, CEO e cofundador da HeroSpark e um dos autores do “Paixão S.A.”.

Rafael Carvalho e Nilson Filatieri estão à frente da HeroSpark, empresa que nasceu em 2019 da fusão de Edools e EADBOX, duas tradicionais empresas do mercado digital. Atualmente, a startup conta com mais de 1.600 clientes, cerca de seis milhões de alunos, e já ajudou empreendedores a faturar R$ 1 bilhão. “Auxiliamos qualquer pessoa a transformar seu conhecimento em um negócio lucrativo, ou seja, o talento do empreendedor é utilizado como matéria-prima para construir um negócio digital (cursos, mentorias, workshops online, etc). Nós oferecemos para os alunos e mentores nossa tecnologia para impulsionar e despertar o melhor das pessoas e dos sonhos dela”, conta Rafael Carvalho, COO da HeroSpark.

Para mais detalhes sobre o “Paixão S.A.”, acesse o link.

Serviço:
Livro: Paixão S.A.
Autores: Nilson Filatieri e Rafael Carvalho
Editora: Editora Gente
Preço:49,90 (físico), 34,90 (digital)
Lançamento: 10 de agosto de 2021

VOLTA ÀS AULAS

Pesquisa feita pela KPMG nos Estados Unidos indica aumento nos gastos relacionados à educação e indícios de uma nova realidade a partir do segundo semestre deste ano, que marca o retorno às aulas presenciais. Segundo o levantamento “Novo começo – De volta às aulas”, as famílias estão dispostas a frequentar mais as lojas físicas, mesmo que continuem fazendo compras on-line, e a gastar mais do que em 2020 com a aquisição de materiais tradicionais, principalmente, roupas, calçados e artigos de papelaria.

Embora tenha sido realizado com consumidores norte-americanos, o estudo aponta mudanças que tendem a se replicar em diversas partes do mundo. O relatório aponta que, após um ano e meio de atividades escolares suspensas, as prioridades de consumo são diferentes daquelas que prevaleceram no começo da pandemia de covid-19, quando tablets e notebooks, assim como equipamentos para o acompanhamento adequado das aulas virtuais, ganharam destaque sem precedentes.

De acordo com a análise da KPMG, que ouviu mil famílias para compreender o impacto desta nova realidade, o gasto médio por criança subiu 21 dólares no último ano — US$ 268 por aluno em comparação aos US$ 247 registrados em 2020. Outra tendência apontada pelo documento é a ampliação gradual nas despesas escolares: a cada ano, os custos com pré-escola devem aumentar 32%, enquanto os com faculdade deverão subir 13%. Os menores acréscimos foram verificados no ensino fundamental, com alta de 3%, e no ensino médio, com 4%.

“Ainda que os sinais apontem que o aprendizado digital veio para ficar, o amplo retorno às salas de aula está impulsionando o aumento dos gastos nas principais categorias do varejo, lideradas por calçados, vestuário e suprimentos. São indicativos importantes neste ano de transição e fatores que impulsionam o crescimento”, resume o sócio-líder de consumo e varejo da KPMG no Brasil e na América do Sul, Fernando Gambôa.

Os pais ouvidos na pesquisa indicaram que, provavelmente, gastarão mais com material escolar do que no ano passado – um aumento de 9%. Entre os entrevistados que planejam gastar mais por filho, 39% acreditam que os produtos custarão mais a partir deste ano. Para aqueles que esperam reduzir despesas por aluno, 32% afirmam que precisam de menos itens. Apesar disso, 26% dos que planejam gastar menos por filho dizem acreditar que os negócios serão melhores este ano do que foram em 2020.

A pesquisa destaca ainda que as compras on-line de materiais escolares devem aumentar 30% em relação aos níveis pré-pandemia. “Esta tendência deve continuar, impulsionada pelo fato de que os consumidores devem seguir efetivando compras no ambiente digital, mantendo a participação de mercado do comércio eletrônico”, analisa o sócio-líder do segmento de varejo da KPMG no Brasil, Paulo Ferezin.

LEIA MAIS
Destaque: Pessoas com deficiência estão em 1% da publicidade na TV

Especial: 84% gostam de viajar a trabalho, mas querem diminuir o ritmo, aponta TRVL

Artigos: José Maurício Pires Alves e Alessandra Zambaldi

Charges: Confira a charge do criativo Cado Bottega

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *