NOTAS DA SEMANA – 19.03.2021

ENTREVISTA COM PATRICIA FRAGA – DIRETORA EXECUTIVA DE NEGÓCIOS DO GRUPO RBS

  1. Quem é a Patricia Fraga? Em breves palavras…

Sou formada em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), pós-graduada em Marketing pela ESPM-RS, com MBA Executivo pela Fundação Dom Cabral (FDC-MG) e pós-MBA pela Northwestern University – Kellog School of Management (EUA). Estou no Grupo RBS há duas décadas e aqui tive a oportunidade de atuar em posições de liderança nas áreas de Marketing, Mercado e Gestão de Negócios. Nos últimos 4 anos fiz parte do planejamento e da execução de projetos estratégicos para o grupo, como o redesenho da área de mercado multimídia e a concepção da nova oferta comercial, com foco na integração de plataformas e soluções para as diferentes necessidades de comunicação e negócios dos clientes. Nessa última passagem pela área de Marketing da empresa, fui responsável pela gestão do portfólio de produtos de todas as nossas marcas, participei do projeto de lançamento de GZH e também atuei na reformulação de importantes ativos como o novo Jornal do Almoço, o festival Planeta Atlântida, o novo Galpão Crioulo e o relançamento da grade de optativos da RBS TV, com foco na sustentabilidade dos negócios e na atratividade de mercado.

2. Te assusta estar nessa posição num momento tão difícil de tudo, principalmente saúde e economia?

Realmente o contexto é bastante complexo e ainda de muitas incertezas. Por outro lado, todos nós tivemos uma curva de aprendizado intensa no ano que passou e nos surpreendemos positivamente com a capacidade de adaptação da nossa forma de trabalhar e de fazer negócios. O fato de assumir essa posição no momento mais crítico da pandemia no nosso estado é desafiador, mas ao mesmo tempo uma oportunidade para entender mais sobre os problemas de negócios dos nossos parceiros comerciais e poder atuar na construção de soluções que façam diferença em um ano difícil como esse. É também meu papel nessa nova posição trabalhar na evolução do nosso modelo de atendimento consultivo ao mercado que, num contexto como esse, torna-se ainda mais necessário.    

3. Como será o foco no produto tendo nas mãos uma empresa de comunicação multiplataforma?

Sabemos que o comportamento de consumo de conteúdo, produtos e serviços mudou muito nos últimos anos e, com as rotinas alteradas por conta da pandemia do coronavirus, o impacto dessas mudanças foi ainda maior. A procura por informação de credibilidade aumentou, assim como a busca por conteúdos de entretenimento com permanências mais longas em casa. Hoje entendemos melhor a complementariedade de plataformas na jornada de consumo dos nossos públicos e, por isso, na área de mercado somos menos “produto orientados” e mais “cliente orientados”. Nosso objetivo principal é entender o desafio de negócio do nosso cliente e, a partir disso, e com base no nosso portfólio, desenhar a estratégia de comunicação mais adequada a esse desafio. Ainda vemos espaço para ampliar nossa atuação no digital, bem como atuar na geração de dados e performance para os nossos parceiros comerciais, sendo essas iniciativas nossos principais focos de atuação para o ano.   

4. O mercado te recebeu bem? Ou ainda não chegastes nele?

Muito bem! Mesmo com toda a complexidade do momento atual, nas últimas semanas realizei dezenas de reuniões com importantes parceiros estratégicos do Grupo RBS. Está sendo bastante enriquecedor ouvir sobre as perspectivas do ano em diferentes segmentos de mercado e de que forma podemos estar mais próximos para ajudar na construção desses objetivos.

PREFEITURA DE PORTO ALEGRE
QUERENDO ENTENDER O PORQUÊ?

A PGM do município entende que as agencias de publicidade devam descontar 3% do valor emitido pelos fornecedores que prestam serviços ,nem todos, dos grandes veículos nessa semana ordenaram pagamentos  sem os descontos, em 2019 descontaram. As mesmas agencias aceitaram o canetaço do ex-prefeito e não cometeram crime fiscal.

Se o mesmo técnico PGM que pediu o desconto de 3% e o mesmo prefeito autorizou a campanha de IPTU por que no empenho, na sac na autorização não foi registrado o desconto ,para notificar os fornecedores?

A bronca que vai levar algumas empresas pequenas a quebrar caiu no colo do atual prefeito e a solução não se apresenta.

A decisão tem que ser encontrada com urgência.

A coluna se coloca a disposição para replicas, criticas e para tudo que possa ser feito para terminar com esse assunto.

LICITAÇÃO SESC/SENAC

A contratação de agência de publicidade e propaganda para atendimento do Sesc/RS e Senac/RS estão temporariamente suspensas. Leia-se adiadas.

MASBAH!

O “Masbah!” deste sábado, 20 de março, realiza uma ‘expedição’ e vai de barco até a Ilha do Presídio. Localizada no Lago Guaíba, reúne história e muitas belezas naturais. O local, também chamado de Ilha das Pedras Brancas ou Ilha da Pólvora, já foi base militar, laboratório de pesquisa e prisão no século passado. E ainda abriga mistérios e segredos que a apresentadora Brunna Colossi desvendará no final de semana.

Para divertir a galera, o cantor e compositor Vitor Kley participa do programa e bate um papo sobre a sua carreira e seus aprendizados no último ano. Além disso, o lado gaúcho do porto-alegrense é colocado à prova em um desafio sobre músicas do Rio Grande do Sul. Será que ele se saiu bem?

O “Panelando”, quadro do “Masbah!” que mostra delícias gastronômicas, descobre como preparar a pizza frita, um clássico da Itália que lembra um grande e verdadeiro pastel. O recheio, claro, é bem rio-grandense e feito com costela, a queridinha no churrasco da gauchada.

Já no programa do “Anonymus Gourmet”, é dia de preparar a “Torta Crespa” e “Água Turbinada”.

O “Masbah!” é exibido aos sábados, a partir das 12h, e o “Anonymus Gourmet”, logo após, no SBT do Rio Grande do Sul.

CREATIVE SHOWCASE E21

O portfólio criativo da e21, que em 2019 foi transformado numa revista chamada Creative Showcase, agora virou totalmente digital e está hospedada no site de maior referência criativa do mundo. O Behance foi criado em 2005 e rapidamente se transformou na maior fonte mundial de busca de ideias, campanhas e de design para criativos. 

Com centenas de páginas, o site virou um grande depositório de estética, experimentalismo e inovação, juntando os melhores profissionais do mundo lado a lado com estudantes, artistas gráficos, videomakers e web designers.

A e21, uma agência de multicomunicação, que tem na criação estratégica um dos seus pilares de negócio, pretende, com essa nova abordagem, disponibilizar seus cases criativos de forma mais democrática e acessível, para profissionais, estudantes, parceiros, clientes e prospects, transformando seu repertório também em fonte de consulta e referência.

Acessando o Creative Showcase, o usuário poderá entrar em contato com vários trabalhos realizados pela agência para seus clientes, em diferentes áreas, como design, digital, filmes, campanhas, OOH, pdv e visual merchandising. E mais, ele será constantemente atualizado, visto que esta é uma das características e facilidades do Behance.

e21 disponibiliza cases de sucesso na plataforma

Inclusive, um dos cases de destaque no Creative Showcase é a campanha intitulada “O que o Rodrigo Hilbert não faz?”. Nela, o público é apresentado ao Automower, um cortador de grama revolucionário. 

O start da campanha se deu através de um filme, onde o apresentador Rodrigo HIlbert atua de modo exagerado e ao final, mostra-se a única coisa que ele realmente não faz. Deixando a tarefa de cortar a grama para o Automower, da Husqvarna. E assim como ele, os consumidores brasileiros também podem realizar outras tarefas enquanto o aparelho mantém os gramados bem cuidados.

Para conferir esse e muitos outros, acesse o Creative Showcase em behance.net/creativeshowcasee21

FEEVALE

Em abril, a Universidade Feevale realizará, por meio da Diretoria de Relações Internacionais e Institucionais (DRII), a exposição fotográfica virtual O mundo que eu já vi. A mostra reunirá imagens que contam histórias de lugares, viagens, momentos e encontros que os participantes já vivenciaram.  
Para participar da exposição, o interessado deve enviar as suas fotos favoritas, juntamente com um breve relato sobre o que as imagens representam, para o e-mail intercambio@feevale.br até o dia 31 de março. A mostra estará disponível para visitação no site www.feevale.br/omundoqueeujavi, a partir do dia 7 de abril. A participação é gratuita e aberta à comunidade.

TECHPARK

Manuela Bruxel, engenheira de Bioprocessos e Biotecnologia e mestre na área Ambiental, é a nova coordenadora do Feevale Techpark, o parque tecnológico da Universidade Feevale. Com 36 anos de idade, Manuela, que é natural de Santa Cruz do Sul (RS), atuou como coordenadora do Programa de Parques e Incubadora Tecnológica e Indústria Criativa na Secretaria de Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico do governo do Estado do Rio Grande do Sul e como coordenadora de programas e projetos na Diretoria de Inovação da Feevale. Possui mais de 10 anos de experiência na área de projetos, ecossistemas de inovação, serviços tecnológicos e propriedade intelectual. 
Manuela diz que o propósito do parque é alavancar o potencial de cada empresa, pensando que são nestes momentos de recessão econômica que as empresas de tecnologia e inovação possuem mais rapidez em se reinventarem, atingir novos mercados e apresentar novas ferramentas para perpassar a crise. “O Feevale Techpark figura entre os melhores parques tecnológicos em âmbito nacional, e estar na coordenação desse ecossistema é bastante desafiador. Unir o interesse das empresas com a expertise que temos na Universidade Feevale, em prol do desenvolvimento e da pesquisa aplicada, ou seja, inovação que chega no mercado e na sociedade, é o ponto que movimenta todas as nossas ações”, afirma.

KANTAR IBOPE

Com o compromisso de apoiar a evolução do mercado e rever constantemente seus processos para oferecer ainda mais qualidade, eficiência e excelência apoiando a indústria de mídia no país, a Kantar IBOPE Media, líder em dados e insights sobre o consumo de mídia, anunciou em 10 de fevereiro ao mercado uma reorganização em sua liderança comercial, focada no crescimento do negócio e na criação de novas oportunidades com os clientes.

A Diretoria de Desenvolvimento de Negócios, liderada por Adriana Favaro, que já incorporava os times de Client Management para Media Owners (Veículos de Comunicação), Agências & Anunciantes e Business Intelligence, passa também a contar com o time de New Business, sob o comando de Cristiane Roldan, responsável pela captação de novos clientes.

Arthur Bernardo, executivo com mais de 35 anos de experiência em pesquisa, e com dedicação nos últimos oito à Kantar IBOPE Media no Brasil, chega a São Paulo para assumir a equipe comercial dedicada a Media Owners e IBOPE Repucom. 

A gestão de todas as regionais passa a ser centralizada em uma única diretoria, e Giovana Alcantara liderará os times de atendimento nas filiais Centro Oeste, Norte, Nordeste, Sudeste e Sul da companhia.

Buscando o fortalecimento da relação com as plataformas de mídias digitais, a Diretoria de Desenvolvimento de Negócios Digitais se mantém sob a liderança de Paulo Arruda, que também passa a ser responsável por parcerias estratégicas.

Felipe Campos segue à frente da área de Soluções ao Cliente, focado nos estudos e análises de dados de nossas soluções, suporte técnico aprofundado para uso das mesmas e na capacitação de clientes para apoiar o trabalho de todo o time comercial.

A área de Growth, importante para definição de abordagens comerciais, políticas e projetos especiais para clientes, continua sob a liderança de Rogerio Cruz, que também dará suporte a Paulo Arruda em parcerias estratégicas.

INSIDE VÍDEO

Mais de 204 milhões de brasileiros consumiram conteúdo em vídeo na televisão em 2020. E o tempo que cada pessoa passou em frente à grande tela foi 37 minutos maior do que em 2019, totalizando 7h09 horas diárias – recorde dos últimos cinco anos. É o que mostra o Inside Video, o mais novo estudo da Kantar IBOPE Media sobre a indústria da audiência no Brasil, que mediu 15 regiões metropolitanas do país. Em Porto Alegre foram 41 minutos a mais do que no ano passado.

“O ano que passou foi marcado pela democratização do acesso às plataformas de vídeo online em todas as regiões. É interessante notar que o aumento no uso desses serviços sob demanda complementa a jornada de consumo de TV linear das pessoas em todas as praças que analisamos”, comenta Giovana Alcantara, Diretora de Desenvolvimento de Negócios Regionais da empresa.

O estudo destaca ainda que compartilhar a tela com familiares ou pessoas que moram no mesmo lar tornou-se um hábito na pandemia. O tempo médio que o brasileiro assistiu TV acompanhado em 2020 aumentou 12% em relação ao ano anterior, o que equivale a 38 minutos diários.  Além disso, o tempo em que idosos e crianças fizeram a atividade juntos subiu consideravelmente no mesmo período – 1h17m a mais por dia, totalizando 6h21m diárias.

Novos comportamentos foram acelerados no último ano. A pandemia acarretou uma mudança na grade de programação da TV. Os gêneros jornalismo, novelas, reality shows e filmes dominaram a TV aberta em 2020, enquanto futebol e programas de auditório perderam espaço.

Confira todos os insights e novidades no Inside Video: a (Re)descoberta. Faça o download gratuito no site da Kantar IBOPE Media: https://www.kantaribopemedia.com/inside-video-download/

PÁSCOA

Mesmo com a redução de renda e desemprego em alta, a perspectiva é que a Páscoa neste ano deve continuar a movimentar o comércio. Segundo pesquisa realizada pela The Insiders, empresa de marketing que conecta marcas a pessoas reais, 68% das mais das 5.400 pessoas entrevistadas vão comprar ovos de páscoa e, destes, 72% pretendem fazer suas compras online. O compilado dos dados também revelou que grandes marcas brigarão de igual para igual com mercado informal de pequenos produtores, que ganharam um espaço relevante na lista de preferência de ovos de Páscoa: 56% declararam optar pelos chocolates caseiros no lugar das tradicionais do varejo. 

Este movimento traz, em contrapartida, uma outra informação também abordada na pesquisa: o marketing com foco em pessoas reais irá impulsionar o setor, uma vez que 86% dos entrevistados disseram ser diretamente influenciados pela opinião de amigos e parentes na hora de escolher o produto, contra apenas 15% que levam em consideração a opinião dos grandes e famosos influencers que atuam nas mídias sociais. “O comportamento das pessoas mudou e influenciadores reais, com quem se tem uma genuína troca no ambiente online, têm muito peso na decisão dos consumidores, ainda mais em uma data afetiva como a páscoa. Pensar em pessoas reais para alavancar as campanhas de marketing para esse dia pode ser a chave para o aumento das vendas e do lucro em meio a uma época de crise”, comenta Joel Amorim, diretor da The Insiders na América Latina.

Não é à toa que essa análise ganha mais peso frente às estratégias de marketing popularmente utilizadas. No levantamento, 49% dos respondentes afirmaram que irão se informar sobre preços e produtos por meio de blogs e redes sociais. “A compra pela internet já é uma realidade muito forte, principalmente neste período de pandemia. Apostar em marketing de influência, ainda mais em uma figura real, com que o público se identifique, é com toda certeza uma maneira de atrair compradores e fazer com que as vendas sejam impulsionadas durante o período”, explica Amorim.

Para o diretor, a estratégia, nesse caso, deve ser bem estruturada e mais do que procurar na rede social uma vitrine para a marca, deve-se apostar em vantagens a ser compartilhada com o consumidor, já que 94% declararam gostar de cupons de descontos ou benefícios na hora da compra. Apesar do momento delicado em que o país vive, a pesquisa revela que a Páscoa ainda acessa uma memória afetiva importante na vida dos clientes. A data é vista como um dia de celebração da vida, em que mesmo distantes fisicamente, as pessoas querem se fazer presentes, amenizando os impactos que o distanciamento social tem causado no dia a dia das famílias. 

CAIS EMBARCADERO

O Cais Embarcadero está atualizando e alinhando internamente sua previsão de lançamento. Tendo em vista o atual momento de enfrentamento da pandemia da Covid-19 em nossa cidade e estado, não é viável realizar a abertura no dia 26 de março, aniversário de Porto Alegre, conforme planejado anteriormente.
No momento, trabalhamos com uma estimativa de lançamento para o mês de abril, em data a ser definida. Estamos acompanhando todos os desdobramentos e aguardando maior clareza dos protocolos e das restrições estabelecidas para o próximo mês. Por enquanto, temos o dia 20 de abril como data pretendida para a abertura oficial, ainda a confirmar.

Cais Embarcadero, um empreendimento DCSET Group e Tornak Holding

A agência foi responsável pela criação da campanha deste ano das premiações. Após ser contratada pela ABRH-RS no início de 2020, a Abajur viu os planos da entidade, que previam uma série de eventos presenciais, mudarem.

Desde então muitas ações online foram promovidas, incluindo uma campanha de Linkedin no Dia da Mulher para incentivo da recomendação de mulheres e consequente valorização do currículo das mesmas.

Agora, o mês de março marca os últimos dias da inscrição dos prêmios e a proposta de trabalhar com um conceito relacionado ao contação de histórias também é muito próprio ao momento. Segundo a agência, as narrativas (leituras, streaming de séries e filmes, trocas de mensagens, etc) nunca foram tão necessárias a população e nada mais lógico do que convidar pessoas físicas e jurídicas a também compartilharem suas histórias.

Confira as campanhas no portfolio online da agência: http://www.abajurpropaganda.com.br/portifolio/abrh-rs/

ABAJUR

A agência foi responsável pela criação da campanha deste ano das premiações. Após ser contratada pela ABRH-RS no início de 2020, a Abajur viu os planos da entidade, que previam uma série de eventos presenciais, mudarem.

Desde então muitas ações online foram promovidas, incluindo uma campanha de Linkedin no Dia da Mulher para incentivo da recomendação de mulheres e consequente valorização do currículo das mesmas.

Agora, o mês de março marca os últimos dias da inscrição dos prêmios e a proposta de trabalhar com um conceito relacionado ao contação de histórias também é muito próprio ao momento. Segundo a agência, as narrativas (leituras, streaming de séries e filmes, trocas de mensagens, etc) nunca foram tão necessárias a população e nada mais lógico do que convidar pessoas físicas e jurídicas a também compartilharem suas histórias.

Confira as campanhas no portfolio online da agência: http://www.abajurpropaganda.com.br/portifolio/abrh-rs/

RACISMO E ANTISEMITISMO                   

 A Liga de Futebol Profissional fez da luta contra toda discriminação uma das prioridades de sua abordagem da responsabilidade corporativa e lançou um ambicioso programa para garantir que o racismo, o anti-semitismo, a homofobia e o sexismo desapareçam completamente do mundo do futebol profissional.

 Em colaboração com os clubes e associações parceiras, a LFP organizou dias dedicados à sensibilização para estas questões entre todos os adeptos do futebol. Workshops de conscientização estão sendo realizados em centros de treinamento em parceria com a Fondaction du Football, e outros eventos já estão planejados para conscientizar todos os jogadores do futebol profissional.

 O LFP trabalhou com o LICRA para criar uma plataforma de relatórios que será acessível a todos e pode ser encontrado em http://www.licra.org/agir/lfp.

 Esse trabalho diário de prevenção é acompanhado de sanções quando essas instâncias ocorrem.

 Recentemente, por iniciativa da LFP, um grupo de trabalho com o Facebook e outro com o Twitter foram desenvolvidos para combater o discurso de ódio e, em particular, os insultos racistas, tendo como alvo jogos e jogadores do futebol profissional francês em suas redes sociais.

 Este trabalho substantivo está sendo acompanhado por esforços pedagógicos e educacionais também para o público em geral.

 A 30ª rodada de Ligue 1 Uber Eats e Ligue 2 BKT, que será disputada nos dias

19, 20 e 21 de março de 2021, será uma oportunidade para mais uma vez sensibilizar todos os torcedores.

 Em parceria com a LICRA, a Professional Football League produziu dois clipes dedicados à Ligue 1 Uber Eats e à Ligue 2 BKT.

 Transmitidos nas plataformas digitais dos clubes, da Liga e das suas emissoras, estes dois clips pretendem evidenciar os nossos diferenciais ao serviço do coletivo.

 Dirigido pela Agência Rosbeef!, o filme é inspirado no típico anúncio prematuro das escalações dos times, transmitido antes da partida. Feito com tom inteligente, e com um toque do absurdo, demonstra a importância de abraçar nossas diferenças para o bem do coletivo, a importância das características únicas e da diversidade, no futebol e na sociedade.

 Em outras palavras, e como repetido no clipe: “No futebol, como em qualquer lugar, é preciso todo mundo para fazer as coisas funcionarem.”

 Na versão dedicada à Ligue 2 BKT, Samuel Oliivier e Robert Malm concordaram em atuar como comentaristas da competição no beIN SPORTS e, assim, mostrar sua vontade de juntar forças ao lado do futebol profissional contra o racismo e o

anti-semitismo.

 O vídeo dedicado do Uber Eats Ligue 1 foi traduzido para inglês, árabe, chinês, português / brasileiro e espanhol e será lançado nas plataformas internacionais do Uber Eats League 1.

 Neste final de semana em campo, antes do início das partidas da 30ª Rodada da

Ligue 1 Uber Eats e da Ligue 2 BKT, jogadores e árbitros se reunirão em torno de uma faixa que diz: “Contra o racismo e o anti-semitismo, vamos continuar ganhando terreno”.

SILVIO SIBEMBERG

Se tivermos sorte

Depois da tresloucada decisão do ministro do STF de anular os processos do Lula pôr, segundo ele, fórum inadequado, poucas surpresas mais podemos esperar. Talvez a suspeição do Moro acabe se consagrando na esteira do absurdo que tomou conta do país. Quando se pensa que já se viu tudo nos deparamos com novas decisões jurídicas inacreditáveis.

A essa altura dos acontecimentos, passados três dias da hecatombe detonada por Fachin, o novo grande e midiático acontecimento passou a ser o discurso do muitas vezes condenado ex-presidente. Ou seria do ex-condenado e futuro presidente?

O cara nem pareceu que estava no limbo há horas. Dono de inegável poder de comunicação, primeiro se disse o mais injustiçado ser vivo do planeta. Em seguida, depois de desancar Moro e parte do judiciário, coincidentemente a que o condenou, deitou e rolou em cima das inconsistências de Bolsonaro. Discurso de candidatíssimo as eleições presidenciais de 2022.

Por outro lado, o nosso destrambelhado atual presidente de pronto aceitou o jogo proposto e começou a retrucar. Arrolou as conhecidas corrupções do PT e de seus membros na Petrobras, início da cascata de ilícitos cometidos pela quadrilha que operava, literalmente, o Brasil. E os bilhões que já foram devolvidos aos cofres públicos pelos bandidos, como a comprovar que de inocente o barbudo não tem nada mesmo.

A mídia foi ao delírio. Conseguimos ficar incríveis par de horas na frente dos telejornais sem ouvir sobre as vítimas da Covid e a incompetência do governo no trato da crise de saúde pública. Foi só Lula. Acho que estavam morrendo de saudades do simpático e bonachão ladrão.

A nós resta a esperança que de fato a parte menos política do nosso judiciário consiga tornar outra vez inelegível o nosso Robin Hood caipira. A luta será contra o tempo, não só das eleições, mas também da prescrição dos crimes cometidos.

Entendo que o ideal seria que nenhum dos dois pudesse concorrer. Como tirar o Bolsa do páreo não sei. Impeachment talvez? Merece? Sei lá.

Mas que ninguém aguenta mais os destemperos do cara não há dúvida. Ele consegue ser muito, mas muito ruim. E não se trata de questão ideológica, mas pura e simplesmente cansaço, até dos mais aguerridos eleitores do capitão. A cada aparição ou fala é um perigo. Caga pela boca com naturalidade espantosa.

Mesmo que se dê o desconto das narrativas de uma mídia sedenta de sangue, o cara extrapola quaisquer padrões de comportamento razoavelmente civilizado.

Ainda por cima está dando o azar de ter contra si o próprio Corona vírus, em pessoa, que resolveu fazer do nosso país seu playground preferido nestas últimas semanas.

Que tenhamos a sorte de aparecer um candidato de centro em quem possamos votar com a consciência de que não estamos votando no menos ruim e sim em alguém que mereça o voto por ele mesmo e que consiga fazer mais pelo país.

Merecemos.

LEIA MAIS

DESTAQUE: Após sair do Cenp, ABA propõe nova autorregulação

ESPECIAL: Cenp-Meios mostra recuo de 19% no mercado em 2020

ARTIGOS: Bruno Morano, CMO da GetNinjas; Pedro Oliveira, sócio-fundador da Outfield Consulting; Humberto Valente, Head de Atendimento do Vakinha; Susanna Marchionni, CEO da Planet Smart City; Kelly Goldoni, CEO da Goldoni Conecta; José Maurícios Pires Alves, Diretor Cultural da APP e CEO da Atalho Soluções em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *